Neurônio 2.0
domingo, 17 de setembro de 2017

Violino #3 - Evolução dos meus 8 meses de estudo

De tempos em tempos me desafio a fazer ou aprender algo diferente. Alguma atividade que me ajude a sair da minha rotina e me proporcione desenvolver novas habilidades.

Apesar da exaustiva carga de trabalho, este ano de 2017 tenho ficado com muito tempo ocioso e para ocupar este tempo resolvi fazer algo bem desafiador: aprender a tocar violino.

No vídeo a seguir está o resultado do 8º mês de prática.


sábado, 12 de agosto de 2017

Violino #2 - Evolução dos meus 7 meses de estudo

De tempos em tempos me desafio a fazer ou aprender algo diferente. Alguma atividade que me ajude a sair da minha rotina e me proporcione desenvolver novas habilidades.

Apesar da exaustiva carga de trabalho, este ano de 2017 tenho ficado com muito tempo ocioso e para ocupar este tempo resolvi fazer algo bem desafiador: aprender a tocar violino.

No vídeo a seguir está o resultado do 6º e 7º mês de prática. Confira!



O que achou? Será que consigo um dia tocar como a Hilary Hahn!? Mais uns mil anos de muita prática e estudo eu acho que chego próximo #sqn kkkkkkkkk
domingo, 16 de julho de 2017

Apenas um sonho... ou talvez não - Parte 2

Encontrei-me observando meus cachorros brincarem no quintal de casa enquanto ouvia duas tias conversarem. Em certo momento, percebi que alguma coisa estava errada quando notei que a gaiola do papagaio não estava no lugar onde deveria estar, mas antes que eu pudesse pensar melhor sobre isso, propositadamente, as tias desviaram a minha atenção chamando-me para a conversa delas.

Quando a campainha da minha casa tocou, pedi licença para as tias e saí correndo atravessando o extenso quintal. Estranhamente, os cachorros não começaram a latir como sempre acontecia quando a campainha tocava, anunciando que alguém estava chamando no portão. Como tantas outras vezes, nem me dei ao trabalho de abrir o portãozinho que separava os quintais, saltei como em uma corrida de obstáculos e num instante eu estava no corredor de acesso à garagem da minha casa. 

Ao chegar de sobressalto na garagem, meu carro não estava lá, e deparei-me com três pessoas: as tias que a dois segundos atrás eu havia deixado no quintal de cima, e a minha segunda mãe. Ela usava um vestido simples na cor azul marinho e seus cabelos louros encaracolados a rejuvenescia, no mínimo, uns 20 anos.

Conhecendo-me muito bem, minha segunda mãe pensou que aquela situação me causaria medo (o que na maioria das vezes seria verdade). Examinou-me então atentamente com seus olhos azuis inconfundíveis, esperando alguma reação minha, e após alguns segundos de hesitação, percebi o que estava acontecendo e me atirei nos braços dela em um longo e muito aguardado abraço. 

quarta-feira, 5 de julho de 2017

A inusitada Maratona de Programação da Etec

Mais uma vez a área do meu cérebro denominada ACIMBI entrou em ação. Não sabe o que é ACIMBI!? Ok, vamos lá: A-C-I-M-B-I significa Área Central de Ideias Malucas, Bizarras e Insanas.

A ideia maluca da vez foi realizar pela primeira vez na Etec uma Maratona de Programação, um evento no qual os participantes passaram mais de duas horas em atividades que exigiram muita pesquisa e trabalho em equipe para resolver os desafios relacionados à área de programação de computadores.

Pela descrição acima parece que foi um evento totalmente sério e 100% focado em programação. Engana-se quem pensa que foi apenas isso, mas só quem participou sabe das maluquices que nós da comissão organizadora fizemos. Conseguimos em só evento proporcionar atividades que desenvolvessem o raciocínio lógico, o trabalho em equipe, surgimento de situações bizarras e integração entre ex-alunos, alunos do Técnico em Informática para Internet e alunos das três turmas do ETIM em Informática. 

Espero que todos os que participaram tenham se diverto tanto quanto eu naquela noite.

Os heróis que acreditaram na minha ideia insana

domingo, 18 de junho de 2017

Diário de um violinista aprendiz – Evolução dos 5 meses de aula

De tempos em tempos me desafio a fazer ou aprender algo diferente. Alguma atividade que me ajude a sair da minha rotina e me proporcione desenvolver novas habilidades.

Apesar da exaustiva carga de trabalho, este ano de 2017 tenho ficado com muito tempo ocioso e para ocupar este tempo resolvi fazer algo bem desafiador: aprender a tocar violino.

Não está sendo nada fácil aprender a tocar este instrumento, mas está sendo ótimo para focar minha atenção em algo que não seja o trabalho. Todo mês eu me filmo tocando a música que estou aprendendo para acompanhar a minha evolução, e depois de cinco meses está aí o resultado na última música do vídeo a seguir:




quinta-feira, 15 de junho de 2017

Sabor do interior: Museu em Monte Sião (Minas Gerais)

O Museu de História e Geografia de Monte Sião foi fundado em 1985 e nele é possível “viajar no tempo” e conhecer um pouco da história da cidade através objetos pessoais, documentos, artesanato, armas de fogo, ferramentas, utensílios domésticos e até objetos usados na medicina e odontologia. 

Eu adorei!!! E recomendo muito a todos que visitem o lugar. Enquanto isso não acontece, acompanhe nas fotos a seguir um pouco do que você irá encontrar por lá.


Museu de História e Geografia de Monte Sião

Museu de História e Geografia de Monte Sião

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Workshop de Criação de Blogs e o super bolo de cenoura da Dona Iza

No último dia 21 de abril, feriado nacional, resolvi realizar mais uma vez do Workshop de Criação de Blogs na Etec onde trabalho como coordenador e professor. Para minha surpresa, muitos alunos optaram por não descansar no feriado para passar o dia todo, das 7 às 17h, aprendendo comigo sobre  o universo dos blogs.

O curso é bem prático e abordo desde conceitos básicos até a criação de fato do blog nas plataforma Blogger e WordPress. Toda a fundamentação do conteúdo está presente no meu livro "Diário de um Blogueiro", mas no curso apresento também vários cases que não estão presente no  livro.


 
;