12 atitudes para uma vida mais saudável - parte 4 – Neurônio 2.0
sábado, 1 de março de 2014

12 atitudes para uma vida mais saudável - parte 4

Este ano de 2014, além dos meus projetos profissionais, uma das minhas metas é cuidar da saúde e para isso, comecei a ler uma revista especializada no assunto: a Vida e Saúde. É uma ótima revista mensal que aborda assuntos como qualidade de vida, dicas de saúde, alimentação e exercícios físicos. Para atingir minha meta, a cada semana acrescentarei gradualmente na minha rotina duas dicas da revista e sempre que assim fizer, pretendo colocar aqui no blog essas dicas para no caso de mais alguém querer encarar esse desafio comigo.Vamos lá...

7 - Coma menos

Parece bobagem, mas quem come menos vive mais, muito mais e melhor. Via de regra comemos muito além do que precisamos para manter o organismo ativo. É logico que não precisamos se faquir* para ter saúde, mas, a menos que você seja um superatleta que queima milhares de calorias todos os dias, é hora de repensar a quantidade que leva à boca. Diversos estudos provaram em laboratório que a redução de até 65% da ingestão diária de calorias está associada a maior longevidade.

Vida mais saudável - Comer menos e melhor



A explicação é complexa, mas, trocando em miúdos, há um menor desgaste de celulares mitocondriais e consequentemente menos morte celular. De acordo com cientistas do Instituto Nacional de Envelhecimento, dos Estados Unidos, se aplicada em humanos a redução calórica elevaria a expectativa máxima de vida de 120 para 170 anos. Uau! Nem precisa tanto assim, mesmo porque é preciso cuidado com a desnutrição, todavia, bem que reduzir seu prato em um terço ou não repeti-lo já são boas medidas de prevenção.

8 - Importe-se com o que realmente importa

Todos sabem que o chefe é importante, que o trabalho e a carreira são fontes de satisfação e merecem tempo e dedicação. Agora, pense num instante em quem ficaria com você, caso uma doença incurável batesse à sua porta ou a invalidez física o(a) acometesse de incapacidades. Certamente, não seria seu chefe, por mais tempo e saúde que você tenha sacrificado no trabalho. Não seriam os amigos de festa, nem os clientes fiéis.
Importe-se com o que realmente importa

Na listagem das pessoas mais importantes da sua vida, aposto que sua família, esposo, esposa, pais ou filhos ocupam os primeiros lugares. Contudo, é provável que na correria da rotina, eles acabem nas últimas posições no quesito atenção. É hora de reverter isso! Dê prioridade ao que é importante já. Arrume um tempinho na agenda para brincar com seus filhos, conversar com seu(sua) esposo(a), telefonar ou marcar um almoço com os pais. Ter um dia na semana para toda a família se reunir é uma boa maneira de começar esse investimento que trará grandes lucros.

Nota: Faquir = pessoa que se sobrepõe a sacrifícios sobre humano. "Sentar a uma mesa recheada de alimentos e não comer".
Fonte: Revista Vida e Saúde
Crédito fotos: Freedigitalphotos.net


1 comentários :

Mih disse...

Clássico, eu adoro, nunca vi esse chapéu rosa da bruxa kkk

Postar um comentário

 
;