Ameaças da Internet - Os vírus – Neurônio 2.0
quarta-feira, 16 de julho de 2008

Ameaças da Internet - Os vírus

"Ameaças da Internet" é um post que aborda de forma simples e fácil o problema dos vírus de computador. Divido em três partes, esta primeira descreve resumidamente o conceito de vírus e seus principais tipos. A segunda parte conterá o perfil e razão que leva uma pessoa a desenvolver programas maliciosos e, fechando a série, o terceiro post será um pequeno tutorial de como se defender dessas pragas sem custo algum.




AMEAÇAS DA INTERNET - Os vírus (1/3)

Os vírus de computador nada mais são do que pequenos programas desenvolvidos geralmente para causar algum dano ao computador infectado. Esses "programas maliciosos" receberam o nome de vírus, justamente por possuírem características semelhantes à dos vírus biológicos. Eles se reproduzem (fazendo cópias de si mesmo) e disseminam por meio de falhas ou limitações de determinados programas, espalhando-se como uma infecção.

O principal alvo dos vírus são os usuários do Sistema Operacional Windows, já que os sistemas da Microsoft são os mais usados no mundo.

Antigamente os vírus se espalhavam quase que exclusivamente por meio de disquetes e arquivos infectados, mas com a popularização da Internet há alguns anos, os vírus se espalham hoje em uma escala exponencial.

O meio mais comum de propagação é o uso de e-mail, aonde o "vírus" usa de diversas artimanhas para convencer o usuário a clicar no arquivo em anexo, pois é nesse anexo que encontra-se o vírus propriamente dito. Os meios de convencimento são na maioria das vezes muito criativos e despertam a curiosidade do usuário, muitos exploram notícias atuais da mídia e até mesmo assuntos eróticos.

Normalmente os vírus só são ativados quando o usuário o executa, ou seja, quando o usuário clica no arquivo ou link de onde está o vírus. Quando o vírus é ativado, ele executa suas tarefas, que podem ser dos mais diversos tipos, desde a execução de um programa impertinente que incomoda o usuário, até a destruição total dos arquivos do HD (Hard Disk).


TIPOS DE VÍRUS DE COMPUTADOR
Embora alguns dos itens listados abaixo não se enquadrem na categoria de vírus, achei interessante mencioná-los, uma vez que oferecem riscos consideráveis a todo tipo de usuário.

  • Vírus de boot
Um dos primeiros tipo de vírus, ele infecta a partição de inicialização do Sistema Operacional, assim ele é ativado toda vez que o computador é ligado.

  • Time Bomb
O Time Bomb é um vírus programado para ativar somente em uma data específica determinada pelo seu criador. Um dos mais famosos é o "Sexta-feira 13" que contaminava arquivos de várias extensões e comprometia o desempenho do computador em até 90%.

  • Worm ou Vermes
Esse tipo de vírus não foi criado para causar graves danos, mas sim para se espalhar da forma mais abrangente possível. Sua especialidade é replicar e espalhar (por isso passou a ser chamado de Verme). Dessa forma seu criador torna-se "famoso" por criar e espalhar o vírus.

  • Trojan ou Cavalos de Tróia
Trojan é um programa que age como a lenda do Cavalo de Tróia. Ele se faz passar por outro programa, principalmente os de autenticação, o usuário pensando ser um inofensivo erro, insere seu login e senha. Com acesso a essas informações, os trojans permitem que o computador infectado possa receber comandos externos sem o conhecimento do usuário. Dessa forma o invasor pode ler, copiar, apagar e alterar dados do sistema.

Os Trojans sofreram muitas alterações ao longo do tempo, os atuais são disfarçados de programas legítimos e, diferentemente dos Worms, eles não criam réplicas de si e precisam ser instalados diretamente no computador.

Os Trojans são os "vírus" mais encontrados em computadores domésticos, a fim de roubar senhas bancárias, no caso do usuário utilizar algum serviço do Internet Banking.

  • Spywares
Basicamente é um programa espião que recolhe informações sobre o usuário e transmite para uma entidade externa pela internet, sem o conhecimento do usuário.

Os Spywares normalmente são desenvolvidos por firmas comerciais que desejam monitorar os hábitos dos internautas para avaliar seus costumes e vender esses dados.

Há também muitos Spywares que visam roubar dados confidenciais como documentos pessoais, logs de atividades e logins bancários.

0 comentários :

Postar um comentário

 
;